Exposição Sergius Erdelyi

Para homenagear o artista, ambientalista e filantropo de tamanha importância em nosso município, a Secretaria de Educação de Tijucas do Sul desenvolveu ao longo do ano o projeto municipal “Sergius Erdelyi: um menino que transformou sonhos em arte, arte em vida”. O projeto foi desenvolvido com todos os alunos do ensino público municipal, com o objetivo de despertar neles o interesse e gosto pela arte, pela preservação do meio ambiente, por projetos sociais e, principalmente, a valorizar a história de Sergius Erdelyi.

Entre os dias 06 e 17 de novembro será aberta à população a exposição desses trabalhos no Espaço Municipal Sergius Erdelyi na comunidade de Lagoa.

SOBRE SERGIUS ERDELYI

Sergius Erdelyi nasceu em 8 de outubro de 1919, na cidade de Neusatz (parte do antigo Império Austro-Húngaro), hoje Novi Sad, Sérvia que 1953 emigrou para o Brasil, naturalizando-se brasileiro em 1976 e faleceu em 16 de janeiro de 2015.

Com mais de quatro mil obras, quase todas criadas nos fins-de-semana, Sergius Erdelyi encarou ao longo de sua incrível vida criativa, a arte como uma espécie de “terapia e regeneração” do estresse cotidiano de sua vida de empresário.

Sergius foi escultor, pintor e designer, trabalhando com telas, mosaicos, calcogravura, tapeçaria e vitrais. Este último produziu centenas com o tema arte sacra, entre eles os vitrais da Igreja Matriz de Tijucas do Sul e da Biblioteca da PUC-PR.
Empresário e inventor, criou em Tijucas do Sul, em 1974, a Erdelyi Participações e Representações Ltda. e a PANAGRO Empreendimentos Florestais Ltda. Um ano depois, em 1975, surgiu a Fazenda San Francisco Ltda.

Em 2011 fundou a Arbor – viveiros de árvores nativas para plantar áreas para o Projeto Petróleo Verde, que visa energia alternativa, resultando em parceria com a Prefeitura de Tijucas do Sul.

Suas obras sociais em Tijucas do Sul incluem a Instituição Filantrópica Sergius Erdelyi e o Lar da Criança, bem como da Creche São Francisco, conveniados, na época, com a Sociedade Paranaense de Cultura-SPC e Associação Paranaense de Cultura-APC, atuando em variadas ações. Em 2010 doou as entidades à Prefeitura de Tijucas do Sul.

Sergius Erdelyi era Cidadão Honorário de Tijucas do Sul, título a ele conferido em 1999.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *