Prefeitura Municipal de
Tijucas do Sul
11°C Chuva Forte

Símbolos

LEI Nº 07, DE 08 DE OUTUBRO DE 1999

De acordo com a Lei Orgânica do município de Tijucas do Sul/PR em seu artigo 5º

São símbolos do Município, além dos nacionais e estaduais, o Brasão, a Bandeira e o Hino, estabelecidos por lei municipal aprovada por maioria absoluta dos membros da Câmara Municipal.

 

Design-sem-nome-5

 

BRASÃO DE TIJUCAS DO SUL

Conforme consta nos artigo 7º e 8º, na Lei nº 07 de 08 de outubro de 1999, o Brasão de Armas do Município de Tijucas do Sul, idealizado pelo Professor Sebastião Ferrarini e interpretado em conjunto com a Coordenação da ESIMPAR (Enciclopédia Simbológica Municipalista Paranaense), é um escudo português, quartelado em cruz, encimado por uma Coroa Mural de 06 (seis) torres, sendo que apenas 04 (quatro) são visíveis em perspectiva no desenho, na cor prata, com as portas em vermelho. A Coroa Mural representa a autoridade municipal constituída pelo Legislativo e Executivo do Município de Tijucas do Sul.

O campo superior

O campo superior direito, correspondente ao Chefe, está subdividido em duas partes: superior e inferior.

Na parte superior, sobre fundo branco, no lado direito, uma elevação, na cor verde, com 01 (um) módulo de altura, simbolizando a Serra do Mar; no lado esquerdo, com 1/3 (um terço) de módulo, o Morro Araçatuba, em verde, representando o relevo acidentado do território tijucano.

Surgindo por detrás da Serra do Mar, a figura do Sol Nascente, em sua cor, com 07 (sete) raios, que, com sua força geradora de energia, expande luz e calor sobre a terra.

A parte inferior, em verde, que representa a pujante vegetação do Município, tem, ao centro, uma área em branco, que se projeta para baixo, com 2/3 (dois terços) de módulo de largura, com 05 (cinco) linhas curvas, pretas, distantes 1/5 (um quinto) de módulo uma da outra, simbolizando as quedas d’água existentes no Município, pontos turísticos de grande beleza natural.

O campo superior esquerdo, na cor azul celeste, representa o desmembramento de Tijucas do Sul do Município de São José dos Pinhais e tem ao centro a figura da letra “M”, maiúscula, sobreposta de uma coroa com 07 (sete) espinhos, ambos em ouro (amarelo), representando Nossa Senhora das Dores, Padroeira do Município.

O campo inferior

No centro do campo inferior direito, em amarelo, uma cabeça de gado vacum, na cor branca, voltada para a direita do escudo, representando a pecuária do Município e também simbolizando o desbravador espanhol Álvaro Nunes Cabeza de Vaca que, em 1542, passou pelo território tijuquense, a caminho de Assuncion, Paraguai.

No centro do campo inferior esquerdo, sobre fundo verde, figura uma metralhadora, na cor preta, voltada para a esquerda do escudo, lembrando os conflitos da Revolução Federalista e os da II Guerra Mundial, dos quais Tijucas do Sul participou ativamente, legando à Pátria seus heróis que tombaram no cumprimento do dever.

O campo verde representa a agropecuária e a indústria extrativista do Município, em franca expansão.

Dos símbolos complementares do brasão de armas

Dos ramos

O Brasão de Armas de Tijucas do Sul tem, em seu lado direito, um ramo de pinheiro, na cor verde, simbolizando uma das riquezas naturais do território e, do lado esquerdo, uma haste de milho frutificado, em suas cores, representando uma das principais culturas do Município.

Do listel

Sob o escudo há um listei, em vermelho, com a seguinte inscrição em preto: 14 – 11 – TIJUCAS DO SUL – 1951, correspondendo à data de criação do Município e ao seu topônimo.

Das cores

Azul – cor do firmamento. Simboliza justiça, verdade, lealdade, beleza.
Verde – denota fé. Simboliza esperança, liberdade, pujança da natureza.
Amarelo (ouro) – é a imagem de maturidade de juízo. Simboliza nobreza, magnitude, riqueza.
Branco (prata) – é a luz pura. Simboliza integridade, obediência, vigilância, paz.
Preto – pertence ao domínio da inteligência. Simboliza prudência, vigor, honestidade.
Vermelho – é a energia. Simboliza fortaleza, coragem, triunfo.

O Brasão de Armas do Município poderá ser reproduzido em clichês, para timbrar papéis e toda a documentação oficial da Câmara Municipal e da Prefeitura Municipal de Tijucas do Sul, desde que, em qualquer reprodução, sejam observados os módulos e cores heráldicas.

 

Design-sem-nome-1-1024x683

 

No artigo 2º, na Lei nº 07 de 08 de outubro de 1999, a Bandeira do Município de Tijucas do Sul, idealizada pelo Professor Sebastião Ferrarini e interpretada em conjunto com a Coordenação da ESIMPAR (Enciclopédia Simbológica Municipalista Paranaense), possui forma retangular, na proporção de 14 (quatorze) módulos de largura por 20 (vinte) módulos de comprimento e apresenta as seguintes características:
a) A Bandeira constitui-se de um campo em verde, tendo ao centro um triângulo isóscele, em branco, cujos ângulos distam 3 (três) módulos de distância das bordas laterais e 2 (dois) módulos da borda superior da bandeira;
b) No centro do triângulo isóscele é aplicado o Brasão de Armas do Município de Tijucas do Sul;
c) O campo verde representa a terra fértil. O triângulo branco simboliza a cidade sede do Município, que tem por preceito liberdade, igualdade e fraternidade.

 

HINO DO MUNICÍPIO DE TIJUCAS DO SUL

O Hino do município é de autoria do Professor Sebastião Ferrarini conforme está na Lei nº 07/1999 em seu artigo nº 9.

Foi Ambrósios teu nome primeiro
Deslumbrante beleza: o Saltinho
Do Estado és grande celeiro,
Guardas lagos, florestas e ninho

ESTRIBILHO

Salve! Salve! Tijucas do Sul!
Tabatinga, florestas e flores
Protegida pelo manto azul,
Da mãe Nossa Senhora das Dores!

II –
E chamada depois Aruatã
Erva-mate e madeira de lei
São riquezas e teu talismã,
Os sinais de valor nessa grei.

III –
És Tijucas do Sul – Paraná
Marco e história da Revolução!
Na memória do povo ainda está
Grande glória pra toda nação.

IV –
Tijuquense, é povo leal!
Teu esforço e trabalho é sucesso
E a resposta do teu ideal
É um futuro de pleno progresso!

 

Fonte: Lei Municipal nº 07, de 08 de outubro de 1999.